OMS alerta para esgotamento de antibióticos no mundo

0
FOTO: Pixabay

Na última terça, a Organização Mundial da Saúde (OMS) lançou o relatório “Agentes antibacterianos em desenvolvimento clínico – uma análise ao fornecimento e desenvolvimento clínico antibacteriano, incluindo a tuberculose”. No documento, um alerta: há poucos antibióticos em desenvolvimento no mundo para combater a ameaça crescente de infecções resistentes a estes medicamentos.

Um dos exemplos usados pela OMS é a tuberculose resistente aos antibióticos, cujas mortes chegam a aproximadamente 250 mil por ano. “É uma emergência de saúde gloval que compromete seriamente o progresso da medicina moderna”, afirmou o diretor-geral da OMS, Tedros Ghebreyesus. Para o chefe da agência, é preciso mais investimento urgente em pesquisa e desenvolvimento.

Até maio, havia um total de 52 antibióticos e produtos biológicos em desenvolvimento na tentativa de tratar bactérias resistentes. Destes, apenas oito são classificados como “tratamentos inovadores que acrescentam valor às atuais opções de tratamento por antibióticos”.

No estudo, a OMS destaca que somente os novos tratamentos não serão suficientes para combater a ameaça de resistência antimicrobiana. Com vários países e parceiros, a agência atua para melhorar a prevenção e o controle das infecções e promover o uso adequado de antibióticos existentes e futuros. A OMS desenvolve igualmente orientações para o uso responsável de antibióticos para as áreas humana, animal e agrícola.

Com informações da ONU News

COMPARTILHAR